Skip to content

Category: A drop of conversation

Eventually everything connects – people, ideas, objects. The quality of the connections is the key to quality per se.
~ Charles Eames

worth thinking about it 0097

A arte esquecida da paciência

A paciência é atenção à singularidade e à oportunidade de cada tempo, plenamente conscientes de que a existência se constrói com materiais muito diversos: peças de proveniência diversa, memórias heterogéneas, fragmentos disto e daquilo, caligrafias inequívocas, pegadas que prosseguem lado a lado mas visualmente desiguais, e por aí fora.

A Simple Fight

Because I fight every single day.
And every single day, I have to win.

Hoje não é apenas mais um dia

O dia de hoje é precioso porque é o único em que podes viver.
O passado e o futuro estarão sempre para lá do que podes viver.
Hoje é o tempo de responderes ao dom da tua vida.
Tornando-o teu.
Merecendo-o e vivendo-o como se fosse toda a tua vida.

worth thinking about it 0094

Viver é

Viver é…
Viver é uma peripécia. Um dever, um afazer, um prazer, um susto, uma cambalhota.

worth thinking about it 0093

A vida é um espetáculo imperdível!

Que tua vida se torne um jardim de oportunidades para ser feliz…
Que nas tuas primaveras sejas amante da alegria.
Que nos teus invernos sejas amigo da sabedoria.
E que quando te enganares no caminho, comeces tudo de novo.
Pois assim serás mais apaixonado pela vida.

worth thinking about it 0095

Quem (te) morre, vive em ti

Quem morre, fica. Em forma de asa e de sopro de vento que se há-de guardar sempre no lugar mais bonito do mundo.

A oração da Felicidade

Engana-se quem acha que a riqueza e o status atraem a inveja…
as pessoas invejam mesmo é o sorriso fácil,
a luz própria,
a felicidade simples e sincera e a paz interior…

Os que nunca nos morrem!

Aparecem-nos nos sonhos que gostávamos que fossem verdade. Aparecem-nos num perfume em forma de memória que nem sabíamos que tínhamos. Aparecem-nos nas frases que dizemos e que, por serem suas, não são nossas. Aparecem-nos ao de leve, como se nos tocassem outra vez.

Só quero o que tiver que ser meu!

No próximo ano, e em todos os que estiverem para vir depois, quero …
Caminhos para percorrer,
Paisagens para amar,
Páginas para escrever,
Tempo com aqueles que tiveram sempre tempo para me salvar,

e não. Não quero tudo. Só quero o que tiver que ser meu.

Se amanhã eu não estiver cá

Se amanhã eu não estiver cá para te dar a mão e a vida apertar, lembra-te que ela é como o mar com ondas intercaladas ora de alegria ora de revolta …