Quantos dias faltam?!

Quantos dias faltam para atalhar caminho e ir à procura de um lugar para sempre?
Quantos dias faltam para querer perder o que não foi feito para as nossas mãos e para ganhar o que está, desde sempre, à nossa espera?
Quantos dias faltam para esquecer as águas paradas que moram no coração e para lavar, de vez, a pele da alma?
Quantos dias faltam para agradecer o que ninguém precisava de ter feito e, mesmo assim, ousou (e quis) fazer por nós?
Quantos dias faltam para fazer da vida um lugar onde quem passa quer ficar?
Quantos dias faltam para dizer o que se guardou dentro do peito e que acabou por fazer crescer raízes feias na nossa alegria?
Quantos dias faltam para construir o que ainda nos falta?
Quantos dias faltam para abraçar o que a vida quiser dar?
Quantos dias faltam para deixar de querer entender tudo o que nos anoitece?
Quantos dias faltam para transformar o sonho de estimação numa aventura por viver?
Quantos dias faltam para olhar para os outros com olhos de quem já não julga?
Quantos dias faltam para perceber que tudo é breve e que o que está por amar é maior do que o tempo que temos?
Quantos dias faltam para beber do céu que se atreve, mais do que vez em quando, a ser azul?
Quantos dias faltam para deixar o sol dar brilho ao coração?
Quantos dias faltam para deixar de ter saudades e ir a correr atrás do que está longe?
Quantos dias faltam para fazer tanto quanto podemos e nunca menos do que isso?
Quantos dias faltam para deixar voar a raiva?
Quantos dias faltam para respirar fundo e sentir que vale tudo a pena?
Quantos dias faltam para começar de novo?
Quantos dias faltam para rir mais com os olhos e menos com a boca?
Quantos dias faltam para correr atrás do que pode ser nosso?
Quantos dias faltam para tudo isto?!
Os que tu quiseres.

~ Marta Arrais